top of page

Você conhece a assexualidade?



LGBTQIA+, você já parou pra pensar no significado de todas essas letras? Tem ideia do que representa a letra A? Pois bem, a letra A representa os Assexuais, pessoas que não sentem atração sexual por outras pessoas.


A assexualidade é uma forma de manifestação da sexualidade humana, sendo uma característica a falta de atração sexual. A assexualidade tem sido chamada de "orientação invisível". Ela tende a ser mal interpretada e pouco discutida.


Muitos costumam não acreditar que alguém possa realmente ser assexual ou ignoram totalmente a assexualidade. Outro equívoco é achar que se trata de uma escolha, como o celibato, mas não é, trata-se de uma orientação sexual.


Também não quer dizer que a pessoa não possa se apaixonar ou que não queira ter um namorado ou se casar. Por isso existem os assexuais românticos, que desenvolvem relacionamentos e se envolvem emocionalmente, mesmo não havendo atração nem prática sexual.


Já o assexual não romântico ou arromântico vai na contramão do romantismo. É aquela pessoa que não possui interesse ou necessidade de ter um relacionamento amoroso e se sente bem com isso.


A assexualidade pode também ser compreendida como um espectro, ou seja, existe uma área cinza. Nesse espectro se encontram os assexuais que praticam sexo apenas em situações específicas, como por exemplo, os demissexuais, que terão desejo apenas quando houver um envolvimento emocional.


Para aumentar a visibilidade dos assexuais, foi definido o dia 6 de abril como o dia internacional da assexualidade. A criação da data não só estabelece um dia anual de visibilidade, como também marca o surgimento de um intenso esforço internacional para reunir uma comunidade pouco reconhecida, ajudando indivíduos e grupos assexuais em países onde falta informação e representatividade a obterem acesso a esses recursos.


Um desses esforços internacionais culminou na criação da AVEN (Asexual Visibility and Education Network) em 2001 pelo ativista assexual David Jay, com o objetivo de "construir uma comunidade e legitimar a assexualidade como orientação sexual".

41 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
Post: Blog2_Post
bottom of page